domingo, 7 de agosto de 2011

REFORMA ELEITORAL

Todos discutem que o Brasil precisa de uma reforma tributária, discordo totalmente desta afirmação. Necessitamos com urgência de uma reforma eleitoral, todas as decisões passam pelo crivo destes que fazem a política brasileira.

E como podem decidir algo se não conseguem manter, nem ao menos, a fidelidade ao partido que o elegeu. O fisiologismo, o clientelismo, as falcatruas e a corrupção são a tônica na política brasileira. Tomam decisões de apoio a um ou outro político, em detrimento ao seu, com argumentos de que as necessidades do povo são mais importantes.

Mentira! Eles estão preocupados, sim, em manter o poder, não se importando, que para isso, vendam até a alma. E os partidos, através de seus “donos”, não se atrevem a barrar estes politiqueiros de plantão.

É fundamental a manutenção da hierarquia e das decisões coletivas em prol da maioria ou, então, rasguem de vez os estatutos partidários. Triste e lamentável este cenário.