terça-feira, 17 de abril de 2012

DIREÇÃO PERIGOSA

As recentes medidas tomadas ou a serem tomadas no âmbito da penalização de motoristas dirigindo embriagados vem ao encontro dos anseios populares, passou da hora de, realmente, serem pesadamente penalizados.

Mas, não podemos analisar os efeitos destas medidas, apenas, pela ótica de se evitar acidentes com vitimas. Vejam que o custo do Estado para atender esta demanda de acidentados, alguns sem chances de recuperação. Estes custos serão bem reduzidos, podendo o poder público canalizar esta receita para a area de prevenção de doenças profissionais, as chamadas LERs, ou ainda, atacar com força o tabagismo que também leva o governo a ter um gasto volumoso no atendimento hospitalar.

Em tempo: nos últimos 30 anos foi a melhor lei aplicada neste país. Vamos colaborar para que dê certo.