quarta-feira, 23 de maio de 2012

Nossos Impostos Devem Baixar a Inadimplência

Hoje os jornais estão repletos de "ótimas medidas" que estão sendo tomadas pelo governo federal através do seu Ministro da Fazenda, Guido Mantega.

Agora, os banco poderão renegociar as dívidas dos inadimplentes, adquiriram tantos bens que não tem como pagar, na época do meu pai quem não pagava suas contas era chamado de "caloteiro".

Pois bem, não vem ao caso esta nova definição, a idéia é o seguinte: O caloteiro compra um bem qualquer, liga para o gerente da sua conta bancária, pede um financiamento, está tão facil ultimamente, por um motivo ou outro, não paga, normalmente por não fazer as contas de quanto ganha e do quanto pode gastar. Depois, o banco manda o nome do cara parao SPC (que não é aquele do grupo de pagode), suja o nome e fica sem possibilidade de levantar outros empréstimos (graças à Deus, senão a divida aumenta). Neste ponto entra o governo federal que autoriza o banco a renegociar a tal dívida com o caloteiro com valores menores, pois, o Sr. Mantega "suspende ou difere" os impostos devidos ao tesouro nacional.

Em suma, o povo brasileiro, que é quem paga os impostos, serão os que irão pagar parte da dívida que os caloteiros fizeram. Bom, não acham?