domingo, 13 de outubro de 2013

Invasão das Coberturas Nos Corredores dos Ônibus

Ontem escrevi sobre a revitalização da Avenida Francisco Glicério e cheguei à conclusão que Campinas não possui administrador. Temos uma Prefeitura acéfala, sem diretrizes e muito menos com vontade política para resolver os problemas dos cidadãos campineiros.
Não bastava aturar os informais nas imediações do Terminal Central e dos vários ambulantes em quase todas as esquinas da cidade, sem contar, com a avalanche de bancas de todos os tipos impedindo a passagem de pedestres em qualquer canto desta cidade, agora, teremos de aguentar estes cidadãos acima da lei, utilizando as coberturas nos pontos de paradas de ônibus nos principais corredores para montarem suas barracas e carrinhos de todo tipo de produto alimentício.
E, pasmem, tudo isto acontecendo bem defronte ao prédio da Guarda Municipal, será que ninguém poderia avisar, quem de direito, para retirar estes caras de lá?
Não adianta mais exigirmos nada deste prefeito que não diz a que veio e, muito menos, de uma Câmara de Vereadores cujos mandatários em sua maioria só diz amém ao 4o. andar, no intuito de preservar suas indicações aos vários escalões, um verdadeiro toma-lá-da-cá sem fim. Não é por falta de verbas, pois o que se arrecada em impostos, e vem mais aumento, daria para administrar esta cidade sem subjugá-la a qualquer segmento corporativo.
Enfim, estamos à deriva e sem fiscalização nas ruas. Estamos verdadeiramente sozinhos e sem rumo.

http://correio.rac.com.br/_conteudo/2013/08/capa/campinas_e_rmc/87880-degradacao-cria-galeria-fantasma-no-centro-de-campinas.html